O uso de Codinomes no Ciclismo… qual é o SEU??? Responda Águia… Responda Cane… Passada Belga…

No comments yet

Esse é o ÁGUIA!!!!!!!

Há tempos q meros mortais tentam deixar seu nome na história, seja com grandes feitos, conquistas, benesses, ou simplesmente carisma. Isso transcende a barreira do explicável, da ciência, pois muitos se esforçam e não conseguem, chegam a procurar  a pedra filosofal como Rei Midas perseguiu com os alquimistas afim de q tudo que tocasse virasse ouro, ou a imortalidade com os tônicos mágicos, poções milagrosas ou fontes da juventude.

Tentaram inclusive conquistar povos, dominando seus territórios e invadindo sua cultura afim de que seu nome fosse eternizado, mesmo que a força.

Usaram codinomes para saciar seu apetite de fama, tal como Nero queria ser chamado de “o piedoso”, ou como Alexandre “o conquistador”  e até  mesmo frases fortes com Atila “onde eu passar, não crescerá grama novamente”

Esses esforços foram até recompensados, mas de forma negativa, pq ditadores, conquistadores cruéis, grandes faraós são lembrados por suas loucuras, arrogância e falta de humanidade.

Viemos hj falar de ídolos do esporte, da vida. De homens, mulheres, inspiradores…

Responda…

Vc tem um ídolo? Vc gostaria de conhece-lo?

Vamos falar de simbolismo então.

Era uma vez… em um passado não tão distante, um grupo de ciclistas, outono já se fazia presente bem como o frio e suas manhãs com cerração…

Uma equipe do interior do RS, sonhava com uma pré convocação para uma Volta Internacional Ciclistica…

Faltavam 8 meses para esse possível convite para um teste, mas o trabalho precisava começar o quanto antes, tínhamos q estar na estrada enquanto todos dormiam. (sei q na internet tem várias frasezinhas prontas com esses dizeres, porém não é necessário só postar e falar…)

A jornada começou em uma manhã onde o cabo do descarrilhador traseiro arrebentou de sua então bike de treino/competição uma Marin Stelvio… notei q aquilo não havia o assustado, e perguntei se queria voltar… (um teste) ele respondeu “pq”

Os kms foram sendo acumulados e a necessidade de motivação interior e da equipe foi cada vez mais necessário.

Foi quando em um manhã perto de 6:30 na serra de itaara, avistamos uma corrier vermelha descendo buzinando, grande amigo Pablo, uma injeção de ânimo, mas a tarde seria ainda mais compensador… numa passada rápida o Alemão passou na oficina e disse que se inspirava muito em nos ver rodando ainda sob a neblina da serra e que isso iria motiva-lo a voltar. Logo o Pablo, meu grande irmão, meu antigo inimigo na guerra das Speed´s X Mtb’s, um grande campeão.

As semanas foram sendo acumuladas, e em uma manhã já com 120k de treino, eu questionei o jovem do pq ele estava ali… ele me respondeu “pq isso me faz ser melhor como pessoa, faz eu dar meu melhor na minha vida”  percebi mais uma vez q força e a vontade de vencer era muito grande dentro daquele coração.

Mas e eu? Eu já sentia a kilometragem acumulada, eram 120 ou 150 todos os dias (segunda descanso) no domingo 200k, não ia conseguir firmar por muito tempo e precisava passar uma confiança. Tínhamos um propósito.

Todos os dias postava um audio de um certo ciclista/treinador, falando de rodar 150, 180, 280 e 320k por dia… muito reclamavam de ouvir o audio sempre… muitos achavam loucura… até que…

“Silvio, vamos rodar os 120, 150 todos os dias! Preciso q tu venha junto, vamos ser fortes, vamos romper a barreira e chegar em casa cheios de estalagnite, pra acelerar depois dos 120km, ai quero ver quem vai vir junto…”

O símbolo foi o determinante para suportar o treinamento, construindo uma equipe ainda mais forte.

O inverno passou com rodagens de 3 digitos  TODOS os dias!!!

E a pré-convocação para o Capitão??? a bike teve o quadro quebrado? Vou vender minha moto para comprar um bike de competição com Campagnolo…

Isso é história para outra publicação…

E os CODINOMES?

Quem é o Cane? Quem é o Águia?

Um Campeão Brasileiro de Estrada, e vencedor duas vezes do Tour de Santa Catarina o mais dificil do Brasil!

Ele é o cara q faz os audios, Daniel Rogelin. Passei um dia inteiro falando com eles via Wats e tive a oportunidade de contar toda a epopéia.

Conquistou um estado, um país! Com seu carisma, senso de humor e tb por suas conquistas no esporte e na vida!

É um VENCEDOR!!!

São frases, receitas de dietas, terminologias ciclísticas, dicas e treinos insanos alienígenas. Passada Belga, dilatação da pupila, puxa o prato e baixa 2 dentes, ir na padaria… pra que fita do garmim…

O cara é um MITO!  A Equipe BikeCenter é toda tua fã!

Passou por momentos delicados quando descobriu um câncer nos rins, e superou com força e esperança em voltar para o esporte.

Hj continua firme com sua bike e montando seu acerco, está fazendo um museu do Biker em Chapecó e um dia ainda vou conhece-lo pessoalmente.

Nós cultuamos o passado, vivemos o presente e apostamos no futuro!

Aqui a gente respira Bike!

Agradecemos de coração.

Equipe BikeCenter.

 

 

 

 

 

 


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *